LEI SECA NO BRASIL

Todas as informações sobre a nova Lei Seca


 

Caso esteja procurando o Recurso Fácil DETRAN para anulação de multas acesse aqui
A nova lei seca em sua ultima atualização ficou mais rígida, com a finalidade de diminuir acidentes causados por condutores alcoolizados, aumentando as penas para quem bebe e pega o carro: Além da multa, que teve o valor dobrado, o motorista bêbado que se recusar a fazer o teste do bafômetro poderá ser preso em flagrante. Dessa forma, se busca garantir mais segurança tanto para o condutor quanto para os pedestres.

A lei seca no Brasil

Sua finalidade é reduzir o número de vitima nas ruas originado de condutores alcoolizados. A ingestão de álcool é uma das grandes responsáveis pelos acidentes de carros no Brasil, de acordo com os números dos órgãos de trânsito. Infelizmente o Brasil está no ranking dos países com maior número de vitimas fatais por habitante. E nos últimos anos este número tem subido ainda mais.

O que muda em comparação com a lei antiga

Antigamente, para que um condutor fosse classificado como alcoolizado, era necessário apenas que a polícia percebesse os indícios de embriaguez. A mudança na legislação definiu uma porcentagem de álcool máxima no organismo de um motorista; dessa forma o condutor apanhado está legalmente alcoolizado ao portar 0,34 miligramas de álcool por litro de ar alveolar expirado.

De que forma se prova a embriaguez

Para ter como provas de embriaguez é necessário passar pelo teste do bafômetro ou pelo exame de sangue. Sendo que fotos, vídeos e comportamentos diante das autoridades que demonstrem embriaguez também servem como prova contra o condutor.

Lei Seca

A lei seca de fato apertou o cerco em torno dos motoristas bêbados?

Sim. No novo texto foi estabelecido tolerância zero para condutores sob efeito de álcool. Sendo que entregar o veiculo para alguém que esteja sob influência de álcool é uma infração gravíssima e pode render multa de sete pontos na carteira do dono do veículo, além de punições para o motorista infrator.

E se eu me recusar a fazer o teste do bafômetro

Você deverá pagar a multa de R$ 1.915,40 e em caso de reincidência dentro de um ano R$ 3.830,80, além da suspensão da CNH. Caso o policial ter certeza da da embriaguez do condutor ele poderá decidir testemunhar contra o condutor alcoolizado, e a suspensão poderá passar para 1 ano.

Como é a lei seca em outros lugares do mundo

Os americanos também são rígidos, tendo como punição por dirigir alcoolizado ir para a prisão. Se no momento da abordagem ele conclui que  condutor está realmente alterado exige-se que o faça o teste de ficar em pé com uma só perna e caminhar em linha reta. Caso não consiga a pessoa é levada presa na viatura.

Em outros países como na Europa também se segue uma linha rigorosa, quem for pego dirigindo alcoolizado pede a carteira de motorista por 4 anos, além de ser preso. Não querer fazer o teste de sopro também é levado preso, além de ser necessário pagar uma mil euros.

Caso você tenha sido multado pela lei seca, é possível cancelar esta multa com o serviço Recurso Fácil do DETRAN confira aqui

Recorra hoje sua multa por lei seca e não perca seu direito de dirigir.